domingo, 11 de junho de 2017

3 anos...

3 anos minha pequena! E me surpreendo com sua grandeza! Quero guardar cada  dia da sua pequena história numa gavetinha especial da minha memória, onde fique acessível para sempre, e que eu não esqueça de nenhum detalhe. E eu amo cada detalhe seu.Eu amo o jeito que você arruma o cabelo entre uma jogada de bola e outra, amo o jeito que fala "mamãe" milhões de vezes por minuto, amo o jeito em como é independente, e amo também quando mesmo podendo fazer sozinha, escolhe ter a minha companhia, mesmo que seja para ir ao banheiro. Amo o jeito que você grita "manhê"para pedir ajuda, mesmo que seja um conflito que você arrumou com o papai por ele ter jogado o seu bolinho fora. Amo o jeito que usa a sua imaginação para se divertir, inventando histórias, personagens e utilidades diferentes para seus brinquedos. Amo o jeito em que você me acha a médica capaz de curar tudo, de suas bonecas a seus fingimentos. E amo o jeito que sorri quando acha graça disso. Amo quando você me admira por usar um batom diferente, e amo como diz com orgulho quando está vestindo algo igual a mamãe. Amo suas danças, performances, apresentações, cenas, caras e caretas. Amo como você ama os animais. Amo como você questiona o funcionamento de tudo, mas divide seus brinquedos sem pestanejar. Amo como você ama seu irmão. Amo a grandeza do seu pequeno coração. Amo esses três anos que proporcionastes tanta luz com sua presença. Amo sua alma, seu cheiro, e cada parte do teu ser. Amo pra sempre.

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Amor em poesia

Minha tão doce menina, por onde passa leva encanto e formosura, suas delicadezas me fazem crer, que não há nada mais lindo, tão grande, ou tão puro quanto o amor que sinto por você. Minha menina, em silêncio te contemplo enquanto dormes, ouço atenta a sua respiração, e te encho de beijinhos. Minha tão doce menina, por quanto tempo mais serás minha? Meu coração se aperta pelo dia em que dispensarás meu colo, não farás mas tanta questão da minha presença, e nem meu abraço será o suficiente para calar teu choro. Minha tão doce menina, vou viver somente o agora, em quanto ainda és só minha. Te amo.

quarta-feira, 8 de abril de 2015

"Porque quando estou fraco então sou forte.” (2 Co 12:9-10)

As vezes me sinto assim: fraca, com o coração em ruínas, esgotada. Em meio aos acontecimentos corriqueiros da vida, você tão frágil, com tantas delicadezas, alergias, e outras manifestações de que sua imunidade não vai bem, eu fico a pensar o que faço enquanto deixo você viver longe dos meus olhos. Tenho uma vida profissional, que não me trás satisfação por vários motivos, entre eles por ter que te deixar tanto tempo longe de mim. Aposto em um projeto paralelo, para que em curto prazo possa colher os frutos de tamanha dedicação e ter um tempo a mais para me dedicar a você.
Seu pai embarca literalmente numa nova empreitada, para que parte destes projetos possam ser encarados por mim. Em meio a todas as minhas limitações e humanidades, hoje rogo a Deus para que nossos planos sejam abençoados por Ele, para que tão logo eu possa ficar mais tempo ao teu lado.

terça-feira, 3 de março de 2015

8+

Desde que você nasceu, quantas coisas mudaram em mim. Você cresce, e cresce em mim uma necessidade urgente de te proteger, te cuidar, te esconder só pra mim. Se eu soubesse que seria assim, me prepararia expandindo meu peito pra guardar tanto amor. Esse amor veio de uma só vez, entrou no peito e deixou tudo espremidinho, tão apertadinho, que ás vezes chega a doer. Você filha, é a razão das noites mal dormidas, da maquiagem que não foi passada, do cabelo não escovado, ou da roupa mal passada. Você filha, é  meu arco iris nos dias cinzas, meu sol num domingo de praia, a razão de toda a minha luta, a existência do instinto de leoa.. Em meio a tanta turbulência, em meio a dias tempestuosos, em meio as diferenças, mesmo nos dias em que o desânimo bate, a incerteza aponta, a insistência de saber o porque de certas coisas lateja forte, mesmo nesses dias, por ter você sinto meu coração aquecido.Seu sorriso atraí as coisas mais lindas para minha vida. Te amo com amor infinito.







sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Você nasceu, eu renasci!

Você nasceu! Na tarde do dia 23 de junho de 2014, jogo de copa do mundo, Brasil x Camarões, 4x1, você nasceu dando sorte! Você nasceu, foi minha sorte! Que alegria, que emoção, que amor! Seu pai foi o primeiro a pegar você no colo, envolta em paninhos azuis, ele trouxe você nos braços, pertinho da minha boca, eu tentei sem alcançar te dar um beijinho, estava em êxtase! Seu papai foi assistir seu primeiro banho,e depois enquanto eu me recuperava da cirurgia, você foi colocada em um bercinho ao meu lado, eu te olhava, séria, encarava aquela pele rosada, adormecia e sonhava coisas sem sentido, e logo abria os olhos pra te ver de novo. Quando fomos para o quarto, eu te peguei no colo pela primeira vez, não sabendo direito o que fazer, te ninei, alimentei, você dormiu sua primeira noite  nos meus braços, sendo aquecida pelo calor da minha pele, e pelo amor da minha alma. Assim foi sua vinda, com tanta expectativa, com tanta alegria, com tanto amor! Todos ficaram felizes com a sua chegada, quanta alegria você trouxe pros que te cercam! Depois fomos pra casa, e fomos direto pra cama da mamãe, dormimos novamente uma do ladinho da outra. Filha,uma coisa que quero que saibas, é que sempre poderá contar com o aconchego dos meus braços, não tem limite de idade pro amor, pro carinho, pro aconchego. Ainda estamos nos conhecendo, ainda tenho tantas coisas pra escrever sobre você, para você,mas sempre estarei aqui, ao seu lado, todos os dias lhe digo e reafirmo o compromisso que assumi com você: sempre estaremos juntas. Te amo minha pequena!

domingo, 27 de abril de 2014

32 semanas...

Ainda falta mais de um mês pra você nascer, tento me ocupar de todas as formas possíveis, para acelerar o tempo. A ansiedade é tanta em te conhecer, que quero adiantar todos os preparativos para sua chegada, para ver se logo ela se concretiza.
Suas roupinhas, lavadas e passadas, enchem o armário e dá até gosto de ver, seus sapatos enfileirados, fazem parecer que você é uma centopéia, de tantos que tem. A malinha com as roupas que você irá vestir pela primeira vez, estão na casa da vovó Bete, pois ela carinhosamente está costurando os saquinhos para colocar cada conjunto miúdo. As caixinhas que serão distribuídas como lembrança pelo seu nascimento,foram coladas uma a uma pela mamãe. Seu dindo quando entra no seu quarto, fica babando e ansioso com a sua chegada, assim como toda a família. Sua dinda lhe deu presentes lindos, sapatilha dourada, brincos de strass, e até uma calcinha rendada. Seu papai, com muito amor e carinho, sempre se dedica aos projetos que a mamãe inventa, e assim, aos pouquinhos ele foi transformando nosso "quarto da bagunça" no seu quarto, que temos certeza que causará a maior bagunça ainda. Falar do seu quarto me dá até uma sensação de alívio e orgulho: papai montou os móveis, colocou as prateleiras, pintou as paredes, instalou as cortinas, o lustre, tudinho ali foi feito por ele, colocando amor e atenção em cada detalhe! Não tem um dia que eu não entre no seu quartinho, e fique sonhando com a sua vinda. Não tem um dia em que eu não entre, acenda a luz e imagine você dormindo no seu bercinho, imagino as modificações que ainda vamos ter que fazer para atender suas necessidades conforme seu desenvolvimento, imagino você brincando no tapete, e uma coleção de bonecas nas prateleiras. Imagino você meu amor, todos os dias, nessa deliciosa espera, ansiando pelo dia da sua vinda, planejando cada detalhe, tentando cuidar de tudo, para que seja o melhor pra você, assim como a notícia de sua vinda, foi a melhor coisa pra gente! Tenha certeza que te amamos, e colocamos amor em cada detalhe da sua chegada!






sexta-feira, 25 de abril de 2014

Raízes e Asas


“Bendito aquele que consegue dar aos seus filhos asas e raízes”, diz um provérbio.
Precisamos das raízes: existe um lugar no mundo onde nascemos, aprendemos uma língua, descobrimos como nossos antepassados superavam seus problemas. Em um dado momento, passamos a ser responsáveis por este lugar.
Precisamos das asas. Elas nos mostram os horizontes sem fim da imaginação, nos levam até nossos sonhos, nos conduzem a lugares distantes. São as asas que nos permitem conhecer as raízes de nossos semelhantes, e aprender com eles.Bendito quem tem asas e raízes; e pobre de quem tem apenas um dos dois.
Paulo Coelho.